Ter saído das palavras de Leminski,
quem me dera,
e ter uma dor assim,
nobre e bela,
mas esta minha, tadinha,
doída que só ela,
não tem o menor tino para elegância,
nem pra peso de papel presta.

Marcelo Pietragalla

Anúncios